Palavras que não se pode traduzir

19 novembro há 2 anos

Na qualidade de tradutor amador eu acredito que não há palavras nem expressões que sejam essencialmente intraduzíveis. Claro que há uma certa dificuldade para se traduzir certas coisas, afinal, traduzir não é fácil, mas é sempre possível conseguir, de alguma maneira. A crença na impossibilidade de se traduzir deriva de uma série de circunstâncias lamentáveis: Pressa Quando afirmamos que certo texto é intraduzível, elevamos o padrão para a sua tradução de maneira a termos uma desculpa para nem tentar. Tradutores são remunerados de maneira quantitativa […]

Seja o primeiro a comentar

Os Automóveis e o Amor

17 novembro há 2 anos

Há uma teoria segundo a qual o brasileiro urbano de classe média de antigamente era embalado, desde o útero da mãe, pelo barulho de um motor de combustão interna. Quando nascia, o aroma de lubrificantes e combustíveis se impregnava em suas narinas com a mesma intensidade do cheiro materno. Quando aprendia a falar, desde cedo entendia, pelas conversas dos mais velhos, que o automóvel seria um membro da família. Não é nada surpreendente que a vida sobre rodas seja, fosse desde há muito tempo, um […]

Seja o primeiro a comentar

A Pobreza

15 novembro há 2 anos

Há uma tendência a se romantizar a pobreza, como se ela possuísse alguma pureza que se perde com a obtenção da riqueza. Isto não chega a ser um problema enquanto falamos de uma pobreza literal, material, mas já é um tanto complicado querer transformar em uma bandeira ideológica uma condição que se caracteriza pela falta daquilo que é essencial. Embora as pessoas pobres sejam dignas de todo o respeito enquanto seres humanos, não podemos imaginar que sua pobreza as torna melhores. Pensar assim não é […]

Seja o primeiro a comentar

Muito do Mundo Se Perdeu

12 novembro há 2 anos

Meu querido progenitor ensinou-me isto: o homem consome o mundo e segue destruindo-o por muito querer ter dinheiro, este que nos oprime sem nos comprimir. Onde houve o belo, existe hoje um resto somente. Fomos loucos pelo ouro e sofremos de sede porque os rios correm poluídos. Construímos urbes enormes, onde somos tristes. Esqueceremos tudo que tivemos? Uns creem que em nós, filhos do milênio, inexiste sequer o símbolo do tempo ido, que somos um outro tipo de gente, com sentidos diferentes, desejoso de objetivos […]

Seja o primeiro a comentar

A Inteligência Brasileira

7 novembro há 2 anos

Às vezes me deparo com a dúvida se o brasileiro não teria um fascínio pela estupidez. Esta tese tem aparecido com frequência nas redes sociais, especialmente desde as eleições. À parte o fato de que é ofensiva, portanto nada construtiva para o trabalho de juntar os cacos do país, eu creio que é uma tese falsa. O brasileiro valoriza, sim, aquele que tem inteligência, o que não valoriza é a busca de cultura e a educação formal. Há entre nós um culto à inteligência “inata” […]

1 comentário

Não se deve explicar uma piada

17 outubro há 2 anos

Segundo um princípio antigo da sabedoria popular (essa em que cada vez menos acredito), não se deve nunca explicar uma piada. Se o ouvinte não tem bagagem para entendê-la, se sentirá insultado pela explicação. Se tem, mas não a entendeu, se sentira constrangido. Em nenhum dos casos a explicação melhora a piada e sempre fica no ar a dúvida se o problema do entendimento foi por culpa do ouvinte ou do piadista. Mas há situações em que o desentendimento é tão gritante que a gente […]

Seja o primeiro a comentar

Os Casacos Azuis

16 outubro há 2 anos

A escuridão é um lugar confortável para a minha gente. Estamos acostumados a ela desde há tantos séculos que nem nos lembramos mais; porém; quando a noite é alta, a lua está redonda e uma brisa fria vem cortando; os homens olham para cima com receio e as mulheres, com medo, para os lados. O desconforto de nossa lembrança ainda não foi esquecido, apesar de estarmos aquietados. Achamos graça nesse medo que vemos nos olhos do povo, sinal de uma grandeza perdida. Somos poucos agora […]

Seja o primeiro a comentar

Inimiga Interior

14 outubro há 2 anos
capa inimiga interior

Participando pela segunda vez do Prêmio Kindle de Literatura, para este ano enviei uma noveleta de suspense com pouco mais de dez mil palavras. “Inimiga Interior” é a história de uma mulher que sofreu a vida inteira de dupla personalidade e que agora está morta. Seu marido está na cadeia, único suspeito do crime. Culpado ou inocente? A história percorre um longo arco temporal, entre 1966 e 1988, mas é narrada em retrospectiva, mais de vinte anos após os fatos ocorridos. A narração, inconfiável e […]

Seja o primeiro a comentar

Todos Já Perdemos Alguma Coisa

7 outubro há 2 anos
O ódio

Sexta-feira, cinco de outubro de dois mil e dezoito. São cinco minutos deste dia que amanhecerá carregado, por mais ensolarado que esteja. Não me interessa mais especular quem vencerá as eleições, amanhã, depois ou nunca. “Ao vencedor, as batatas”. A derrota é geral e irrestrita quando a guerra se trava sem limites — ainda mais quando a guerra não deveria ser uma guerra. O ano de 2018 ficará marcado na história do Brasil, se no futuro ainda houver História do Brasil. Estamos no ápice frenético […]

Seja o primeiro a comentar

O Poeta Em Busca de um Mapa no Pântano da Crise

11 setembro há 2 anos

Escrever é fácilEscrever bem não é tão fácilEscrever boa literatura é difícilObter reconhecimento é muito difícil. Fica mais fácil escrever bem quando você se especializa.Porém fica mais difícil escrever. Ou você tem mais talento bruto,E ainda precisará de dedicação e formação,Ou se erguerá pela força do trabalho e da técnica– E ainda precisará de ter algum talento. É improvável ser genial em qualquer gêneroE é mais fácil escrever mediocremente vários gêneros,Porém é, também, mais fácil ser horrível de muitas maneirasDo que é difícil ser de […]

Seja o primeiro a comentar