Como o Facebook Matou a Blogosfera Literária

Se você não paga pelo serviço, quem está sendo negociado é você. Quando surgiram as redes sociais, no início do milênio, elas pareceram ser a solução para um antigo problema que afetava a vida cultural brasileira: a dispersão pelo imenso território nacional do grande, mas rarefeito, universo dos interessados por formas de arte menos populares. Pareceu, por um breve momento, que esta tecnologia traria a tão sonhada conexão entre produtores e consumidores de conteúdo, facilitando a descoberta de novos talentos e sua entrada no mainstream […]