Aprendendo a Descascar Alho Sem Ir Para o Inferno

Fiz compras na quinta feira e, por engano, coloquei o alho dentro da geladeira, no compartimento abaixo do congelador. Agora há pouco, procurando onde estava, para preparar o arroz integral que vou congelar para a semana inteira, encontrei o saquinho lá e achei que tinha feito besteira: o alho estava até duro de tão gelado e um dos dentes tinha brotado. Vem cá, alho gosta de clima ultra-frio? Pois bem, hoje tá frio e eu não tinha tempo para esperar o alho esquentar. Olha aqui […]

Como Mudar a História com uma Letra

O escritor e tradutor português Jorge Candeias sugeriu em seu perfil do Facebook um joguinho besta, mas interessante como exercício imaginativo. Tão interessante que está rolando há três dias e já chegou a mais de 300 postagens. A ideia é “estragar”, ou seja, perverter de forma evidente, um título perfeitamente bom de uma obra literária conhecida **alterando apenas uma letra**, seja pela adição, pela subtração ou pela substituição. Na qualidade de participante do tópico, deponho aqui também as minhas contribuições e aqui vai a lista […]

Autores que Não Leem Ensinam o que Não Sabem

Uma das consequências da falta do hábito da leitura entre nossos autores é a falta do domínio pleno da língua portuguesa, cada vez mais tida como disciplina optativa entre os que escrevem o futuro de nossa literatura. O sucesso de autores como Paulo Coelho e Raphael Draccon, que deixam transparecer em seu texto uma imensa ignorância da gramática, da estilística e da tradição de nossa língua serve como poderoso argumento em favor da superfluidade da cultura no idioma pátrio. De repente usar o vocabulário preciso […]

Bob e o Felino

Não temos gato, mas temos o lado ruim de ter um gato. Se é que vocês me entendem. O vizinho tem o gato, nós temos cachorro, o Bob (formalmente chamado de Roberto Cachorrovich Viralatov, porque é quase um personagem de Dostoievski). O Bob detesta o gato do fundo de sua alma lupina remanescente. O gato, bem, meh… Toda noite o gato se deita para dormir na beira da varanda do vizinho, que é visível de nosso quintal. Bob vai até o gramado, o mais perto […]

Não Se Ofenda

Ninguém tem o direito de nunca ser ofendido. Mas, peraí, estarei eu defendendo o abuso verbal? Não, não é isso. Ofender-se é algo subjetivo e pessoal. Pessoas diferentes se ofendem com coisas diferentes. Eu, por exemplo, me incomodo com a simples existência do funk no mesmo universo que eu. Fico puto de ouvir aquelas letras obscenas e aquela música troncha. Mas a maioria das pessoas ouve na frente dos filhos a canção que fala de meter o piupiu na pepeca até relar e não se […]

Se Eu Fosse Voldemort

Uma das razões pelas quais o Mago das Trevas foi tão facilmente derrotado se encontra na sua péssima escolha dos objetos que transformou em horcruxes. Se é verdade que alguns deles eram insuspeitos e, certamente, duráveis; — e aqui me refiro à Taça Hufflepuff, ao Anel de Marvolo Gaunt, o Medalhão de Slytherin e a Tiara de Ravenclaw — é também verdade que nenhum deles foi uma boa escolha, dada a facilidade com que foram identificados pelos inimigos de Voldemort. Tendo lido 100 Coisas Que […]

Livros Para Morrer Antes de Ler?

Este livro é daqueles que quando você larga não consegue mais pegar. — Millôr Fernandes A Revista Bula publicou uma lista de vinte obras que o autor considera tão ruins que é melhor morrer antes de ler. Trata-se de uma inversão do comum, que seria uma lista de coisas a se fazer antes de morrer. Embora eu discorde de alguns elementos da lista e não conheça alguns outros, tenho a minha própria lista de obras que já tentei ler e decidi que a vida é […]

O Pior Presente Que Se Pode Ganhar

Os piores presentes que alguém poderia lhe dar incluem uma gravata, se você, como eu, não tem o hábito de usar, meias, que sempre serão menores que o necessário, caso sejam presenteadas, e também aqueles agasalhos de lã feitos em casa por uma de suas tias, sempre empregando duas cores absolutamente discordantes. Bem, minto. Há um presente pior que qualquer destes: canetas. Tentarei explicar. Canetas não são muito úteis hoje em dia, em que as pessoas normalmente escrevem mais em teclados ou superfícies sensíveis ao […]

Nando Moura e Apeles

Toda vez que assisto um vídeo do Nando Moura eu me lembro da parábola de Apeles e do sapateiro. Moura é um músico que gosta de mencionar um extenso currículo musical para embasar suas críticas ao funk, ao sertanejo e ao black metal; mas também se mete a falar de filosofia, que confessadamente aprendeu com Olavo de Carvalho, política e até padrões de tomadas. Suas críticas musicais são bastante justas — ainda que sejam mais ou menos o que qualquer bípede implume dotado de telencéfalo […]

Tá Nervoso, Vai Pescar

Nenhuma atividade humana me parece menos adequada ao relaxamento do que pescar. Dizem que é bom para enfrentar o nervosismo, mas só se você quiser enfrentá-lo num ringue de artes marciais. Pescar de vara, anzol e linha é algo que só é concebível se você já sai de casa completamente relaxado, sem sombra alguma de nervosismo. Começa pelo fato de que — ao contrário de ioga, meditação ou drogas — pescar envolve um longo e demorado deslocamento até o meio de lugar nenhum onde os […]

Pequenas Incompetências Literárias

Sei que pode parecer preconceito, e pode até ser, mas quem deverá decidir isto é o leitor, não eu. A seguir listo uma série de frases que já ouvi ditas por gente que acha que escreve literatura. Certamente não as quero julgar, eu só quero mostrar a estas pessoas qual é o tipo de imagem que me passam quando dizem o que dizem. Será que me acharão plagiador por usar mitologia grega em um romance juvenil? Matei todas as aulas de história, nem sei onde […]

A Heresia da Pizza Caseira

A pizza é um alimento dos deuses. Não digo isto porque seja excepcionalmente deliciosa, mas porque são necessários atributos (e equipamentos) verdadeiramente divinos para prepará-la. Equipamentos que só existem em templos sagrados onde vermelho e verde combinam. Tentar organizar um culto doméstico desta iguaria é um sacrilégio recompensado com desastre. A humanidade desenvolveu várias tentativas de retirar a pizza de seu caráter sacro e permitir o preparo profano, mas todas estas tentativas redundaram em vão. A menos que você tenha um sacerdote pizzaiolo na família […]