Autoinfligido

Não sou de sustentar suspense para subverter o enredo lá perto do fim, o que hoje em dia se chama de fazer plot twist, então tenho que começar essa história diretamente dando o spoiler: tudo aconteceu por causa da chuva e de uma toalha molhada. Por cinco noites consecutivas tinha chovido pesado aleatoriamente. Eu não…

Não Existem Prazeres Simples, Simplesmente Existem Prazeres

Toda mensagem tem um emissor e um destinatário. Conseguir encontrar o tom correto é essencial para que ela seja sequer compreendida, quanto mais apreciada. Em geral as mensagens mais efetivas são aquelas em que o interlocutor não tem de processar informações novas. Porém a escrita não se limita à sua função comunicativa. Há diferentes tipos…

Meu Nome Está… Errado

Muita gente pronuncia meu sobrenome errado, mas isso não me incomoda tanto porque nossa língua é bem dialetada e pronúncias divergentes são aceitáveis. Então tanto faz se você me chamar de “Gouvêa”, “Goveia”, “Gouveia”, “Govêa” etc. Desde que não pratique o velho hábito de alternar entre “ou” e “oi” eu vou entender e perdoar. O…

Uma Fábula Cataguasense

Cataguases de antigamente, cidade que evapora da memória como chuva no estio. Cidade em que aconteciam coisas estranhas que nossos pais contavam e que agora, idosos, eles ficaram com vergonha de contar, porque o mundo novo admirável gosta de rir das histórias de antigamente. Havia na cidade uma leiteria anexa à Cooperativa Agropecuária de Cataguases,…

Rosa e o Brasil pretérito

“Viver é um rasgar-se e remendar-se”. De Guimarães Rosa, constante do Grande Sertão: Veredas, o livro-síntese do Brasil que já não existe. De tanto me rasgar e me remendar eu já sou outro, que apenas se lembra de quem foi um dia. Esta frase é profundamente existencialista quando você a analisa mais profundamente, pois ela…

19 Microcontos de Cortar o Coração

Alexandre não consegue abandonar seu filho, apesar de toda a desobediência do rapaz, depois dos anos de vício, da separação forçada e da insistência dele de chamar diversos exorcistas. Beatriz deixou há tanto tempo de escutar as colegas de trabalho que ainda não sabe que nenhuma delas lhe dirige a palavra mais. Na quinta-feira da…

Os Automóveis e o Amor

Há uma teoria segundo a qual o brasileiro urbano de classe média de antigamente era embalado, desde o útero da mãe, pelo barulho de um motor de combustão interna. Quando nascia, o aroma de lubrificantes e combustíveis se impregnava em suas narinas com a mesma intensidade do cheiro materno. Quando aprendia a falar, desde cedo…

Inimiga Interior

Participando pela segunda vez do Prêmio Kindle de Literatura, para este ano enviei uma noveleta de suspense com pouco mais de dez mil palavras. “Inimiga Interior” é a história de uma mulher que sofreu a vida inteira de dupla personalidade e que agora está morta. Seu marido está na cadeia, único suspeito do crime. Culpado…

Saque em Espécie

O cliente se aproxima do guichê. Um senhor entre cinquenta e sessenta anos de idade presumíveis. Pede o saldo da caderneta de poupança. A jovem caixa pede o cartão, digita alguma coisa no teclado e solicita digitação da senha. O saldo é impresso e o cliente pergunta: — Moça, como faz para eu tirar tudo…

Aquele que eu não fui

John me ligou da Austrália através dos oceanos. “Como está?” — ele me perguntou numa voz tão sonolenta quanto a minha. Eu resmunguei que não sabia, e estava tão confuso que não consegui lhe explicar que não o reconhecera, mas que, sim, sabia como estava. Ele riu de mim e começou a metralhar uma história sobre…