Letras Elétricas

Sonhos difusos pintados
num muro de cores cruas.
Pensamentos precários
se turvam de novidades.

E letras elétricas ardem
na lápide líquida e lisa.
Ardem sinais sinuosos
que somem em cinzas
que não deixam mal na matéria
e nem bem na memória.

Comentários do Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *