O Colonialismo na Era da Informação

Você já deve ter ouvido falar que vivemos atualmente a “Era da Informação”. Esse termo é usado, desde pelo menos 1980, por causa das transformações sociais, econômicas, políticas e culturais que vêm ocorrendo sob o impacto da difusão dos computadores. Mas duvido que você já tenha se dedicado a refletir sobre as transformações geopolíticas que…

Palmas para o “Isentão”

Entre os grandes flagelos do debate político na atualidade, o “isentão” é um dos mais desagradáveis pelas sua capacidade de abortar o confronto legítimo de ideias, o que, a longo prazo, impede a defesa honesta de posições. Diante do “isentão”, esse sofista moderno, que habita o muro como quem se instala em um castelo, todas…

A Alma Nua

Acordei de um sono pesado e sem sonhos, sentindo a boca seca devido a muito tempo sem beber água, e os músculos algo doloridos de tanto ficar deitado. Depois de um breve suspiro, que não me aliviou muito por causa do ar opressivo do quarto, dei-me conta de que a cama estava anormalmente dura, certamente…

O Livro Mais Perigoso de Todos os Tempos

A literatura europeia dos séculos XIII a XIX está repleta de obras com títulos curiosos em latim e versando sobre problemas espirituais, feitiçaria, alquimia, magia e coisas afins. Entre estas obras encontramos os livros de feitiçaria propriamente ditos, os “grimórios”, os tratados de teologia escritos por gente supersticiosa e também algumas primitivas obras de investigação…

Um Faroeste Farofeiro

Francamente, eu poderia escrever uma resposta inteira só a respeito de letras ruins da Legião Urbana, um grupo que transformou a sua maior fraqueza (a lírica) na suposta marca maior de sua qualidade (Renato Russo, “o poeta do rock”). Poderei, se algum dia me pedirem, por hoje eu me limito a Faroeste Caboclo, o “hino”…

Por que sonhamos com ditadores benevolentes?

Você provavelmente já encontrou em alguma obra literária, ou em um filme que assistiu recentemente, a ideia do ditador benevolente. Antes de dizer que não, pense outra vez, preste atenção que essa ideia costuma vir bem embrulhada. Tanto assim que, nem quando o ditador se comporta da maneira como normalmente os tiranos se comportam a…

Os Que Falham e os Que Nem Tentam

Aqueles que nunca tentam ainda subestimam as catástrofes da derrota, e os que falharam superestimam os confortos da covardia. Perder é horrível, falhar é cabuloso, acovardar-se é detestável, não viver por medo de errar o tornará um velho amargo. Sou especialista em ambas as coisas porque tenho um longo histórico de covardias alternadas com falhas…

Considerações sobre a Ingratidão Política

Há alguns anos, mais precisamente em julho de 2013, deparei-me, algo chocado, com um texto de Stephen Kanitz para a revista Veja intitulado “Por que me odeias se eu nunca te ajudei?” Eu tinha certo respeito pelo autor, a quem eu considerava um raro economista que tinha palavras humanistas, em vez de falar somente em…

Quando Você Tinha Morrido

Uma das grandes injustiças desse mundo é a maneira como os nossos amigos e conhecidos nos matam quando nos afastamos. Pela maneira como somos mortos, podemos ter uma ideia vaga de como realmente eles nos enxergam. Quando chegamos a uma certa idade temos de escolher entre acompanhar de perto os nossos amigos ou evitar fazer…

O Relativismo como Inimigo da Democracia

A associação entre o relativismo e o autoritarismo foi feita pela primeira vez por Allan Bloom, em The Closing of the American Mind (“O Fechamento da Mentalidade Americana”, que ganhou no Brasil o estranho título de “O Declínio da Cultura Ocidental”). Essa obra tem o estranho subtítulo “Como o Ensino Superior Traiu a Democracia e…

O Ataque Contemporâneo à Racionalidade

Vivemos uma época estranha, em que as ferramentas do conhecimento parecem ter se tornado inimigas nossas. São tantas as partes que se insurgem contra a racionalidade que parece cada vez mais improvável que se consiga preservar para o futuro a herança do Iluminismo. Não podemos transigir com isso de maneira alguma, porque se perdermos as…

Porque a visão positivista da história está obsoleta

Que critérios determinam que o positivismo é uma visão obsoleta da história? Esta pergunta foi feita por mim mesmo, no Quora, para ser respondida por quem se interessasse. Minha intenção, porém, desde o início era escrever uma resposta minha sobre esse tema — motivada pelos comentários recebidos em minha resposta sobre as distorções da História…