Amor de Lua

15 março há 2 anos

A pedido de uma amiga virtual, voltei a ser letrista. Ela me passou algumas ideias e eu transformei sua história de amor em um poema pronto a ser musicado. Você me pede uma coisa e outra e quer para já. Garota esperta, espero neutra, e você não vem cá. Você é de lua, eu sou devagar. Você sempre muda, eu muro um lugar. Não se decida, não quero ainda hoje é dançar. Ainda é tão cedo, eu tenho medo na hora H. Você é de […]

Seja o primeiro a comentar

O Reino Esquecido

13 março há 2 anos

Como você faria se tivesse diante de si um frágil indício de algo importante a respeito do passado? Esse é o dilema enfrentado pelo jovem Jacques Erhardt, e que vai levá-lo a muitas frustrações. Ao mesmo tempo, conhecemos Raimundo, um jovem absolutamente detestável que deseja aventuras a todo custo. Como seus destinos se encontrarão? Após longos dez anos de gestação (que incluíram um período de cinco ininterruptos de abandono), está na Kindle Store o romance “O Reino Esquecido”, a minha primeira tentativa de romance sobre […]

Seja o primeiro a comentar

Bob e o Felino

12 março há 2 anos

Não temos gato, mas temos o lado ruim de ter um gato. Se é que vocês me entendem. O vizinho tem o gato, nós temos cachorro, o Bob (formalmente chamado de Roberto Cachorrovich Viralatov, porque é quase um personagem de Dostoievski). O Bob detesta o gato do fundo de sua alma lupina remanescente. O gato, bem, meh… Toda noite o gato se deita para dormir na beira da varanda do vizinho, que é visível de nosso quintal. Bob vai até o gramado, o mais perto […]

1 comentário

Você Não Precisa de Incentivo, Precisa Gostar Mais do que Faz

5 março há 2 anos

Há quem diga que muitos projetos literários ficam inacabados porque falta incentivo. Discordo frontalmente. Incentivo jamais existiu, pelo menos não no Brasil. Olhe em torno, conte quantos autores nacionais se tornaram profissionais, vivem efetivamente de literatura. Olhe para trás, conte-os no passado de nossa literatura, leia a biografia dos nossos medalhões, quase todos, com raras exceções, eram amadores, tinham empregos formais, escreviam nas horas vagas. A ideia de um “mercado literário” não nos pertence. Você não é americano, você não escreve em inglês, você não […]

Seja o primeiro a comentar

Arte Para Quem Goste de Arte

4 março há 2 anos

Às vezes nos perguntamos por que é tão difícil entender a arte moderna. É uma dúvida justa, visto que nem mesmo os que dizem entendê-la conseguem explicá-la. A impressão que temos é que o gosto dos amantes da arte é uma maçonaria mais impenetrável. Creio que isso ocorre basicamente porque a arte não é feita gente como nós, como eu. A maior parte da produção artística de hoje é feita e consumida pelas altas classes, que utilizam a arte com várias finalidades, entre as quais […]

Seja o primeiro a comentar

Sue Para Escrever Sua Cota, Seja Como For

2 março há 2 anos

Dizer que “os escritores de hoje enfrentam dilemas diferentes dos de antigamente” é uma platitude. Cada época tem seus desafios, gostemos ou não, mas algumas coisas são mesmo novas, outras só parecem. Uma das que me espantam é que tantos autores de hoje se imponham uma cota diária de palavras, como um infeliz sujeito obrigado pelo médico a pagar flexões e puxar ferros para entrar em forma. A ideia de que o autor precisa escrever com frequência e quantidade não é nova, mas a obsessão […]

Seja o primeiro a comentar

A Defesa da Jornada do Herói Através de Falácias

28 fevereiro há 2 anos

Falácias são erros lógicos em uma argumentação. Um argumento bem estruturado e válido precisa basear-se em elementos reais (postulados válidos) e ter uma relação clara de causa e efeito entre as premissas (as etapas do argumento) e a conclusão final. Quando, mesmo com postulados verdadeiros, a conclusão é absurda, temos um erro de lógica, a falácia. A grande maioria das pessoas argumenta exclusivamente com base em falácias. É o que você ouve nas conversas de bar, nos debates políticos da televisão, nas conclusões a que […]

Seja o primeiro a comentar

Livros “Perigosos”

19 fevereiro há 2 anos

A formação psicológica do ser humano passa por fases nas quais é natural e esperado que tenha “ídolos” em quem se espelhe. Autores, enquanto humanos que são, passam por isso. O amadurecimento do autor é um processo que passa pela superação da idolatria, substituindo-a por uma reflexão mais profunda sobre a arte. Esse processo implica em deixar de ver uma imagem única do ídolo e de sua obra. Para muitos jovens autores, a ideia de que obra e autor possam estar tão separados soa chocante, […]

1 comentário

Não Se Ofenda

12 fevereiro há 2 anos

Ninguém tem o direito de nunca ser ofendido. Mas, peraí, estarei eu defendendo o abuso verbal? Não, não é isso. Ofender-se é algo subjetivo e pessoal. Pessoas diferentes se ofendem com coisas diferentes. Eu, por exemplo, me incomodo com a simples existência do funk no mesmo universo que eu. Fico puto de ouvir aquelas letras obscenas e aquela música troncha. Mas a maioria das pessoas ouve na frente dos filhos a canção que fala de meter o piupiu na pepeca até relar e não se […]

Seja o primeiro a comentar

Como o Lugar de Fala Pode Matar a Literatura como a Conhecemos — e Porque Isso Pode Ser Bom

12 fevereiro há 2 anos

Há algum tempo uma pesquisadora da UnB fez um levantamento estatístico da literatura nacional e concluiu que ela é o produto do trabalho, principalmente, de homens brancos, de classe média originários do eixo Rio-São Paulo. À parte algumas vociferações nas redes sociais, esse resultado não foi praticamente discutido por ninguém porque é uma descoberta que incomoda. Ninguém gosta de ser tachado de racista e ninguém é racista simplesmente por pertencer a uma classe privilegiada da população. Porém o que se detectou nessa pesquisa é um […]

1 comentário

Obras Ininteligíveis

11 fevereiro há 2 anos

Vamos combinar uma coisa: não existem obras “altamente intelectuais” em que o autor não consegue passar sua mensagem e não há obras “com grande carga emocional” com as quais o leitor não consegue se identificar. A própria definição de intelectualidade exige clareza. Uma obra inteligente é inteligível. Pode ser que não seja inteligível para mim, por me faltar bases teóricas ou experiência de vida para captar o que ela diz, mas obscura não é. O adjetivo que se deve dar a obras “em que o […]

Seja o primeiro a comentar

O Que Se Rouba e o Que Se Quebra

8 fevereiro há 2 anos

Recebi uma curiosa mensagem de um amigo: “até agora nenhuma livraria foi saqueada no Espírito Santo.” O estado vive um caos de segurança pública, a polícia desertou das ruas, a sociedade regrediu ao estado de natureza teorizado por Hobbes e todos aqueles ditos em latim se materializaram: bellum omnia omnes e homo homini lupus. Nessa situação de total descontrole vemos pessoas aproveitando para resolver as contas com seus desafetos e gente roubando três tipos principais de bens: eletrônicos e eletrodomésticos, roupas e calçados, e joias […]

1 comentário