A Era da Legoratura

Em 19/06/2019 a revista Úrsula publicou este meu artigo que aborda a questão da utilização da Jornada do Herói como uma ferramenta de criação em vez de uma forma de análise. Recomendo fortemente que você leia e comente lá. Haverá uma segunda parte.

Literatura de Resistência

Às vezes bate um desânimo grande, a sensação de desperdício de um tempo precioso que poderia ser usado em tantas coisas. Afinal, quem lê e lerá nossos escritos? Para quê eles servem? A sensação de desânimo é parte da psique do escritor em qualquer lugar do mundo, mas é especialmente presente se você é um…

Talvez Um Escritor Não Precise Ler Tanto Assim

“Ler bastante” é besteira. Já ouviu falar da falácia do pistoleiro texano? Pois bem, ele deu setenta e dois tiros em uma parede de celeiro. Depois foi até lá, circulou uma determinada área em que doze tiros se concentravam e tirou uma foto apontando para eles, como se quisesse dizer que eram os doze disparos…

O Autor, Reduzido a Estatísticas

Essa semana que passou eu embarquei em uma jornada de autoconhecimento e quero compartilhar os resultados com vocês. O ponto de partida foi a pesquisa de Regina Delcastagnè, da UFMG (na época, mas atualmente UnB), que vem repercutindo desde 2015 e que, neste ano, terá publicada sua fase final. Delcastagnè tabulou informações sobre centenas de…

Valorizar a Literatura Nacional

“Precisa valorizar a literatura nacional” — diz o autor que assina com um pseudônimo gringo, cujos personagens têm nomes em inglês e cujas histórias são ambientadas numa gringolândia clichê. Amigo, quem quiser valorizar a literatura nacional deve passar longe da sua obra. Veja bem. Não quero dizer que seu livro seja de todo ruim, sequer…

A Literatura Moderna não é nada além de uma Salada de Palavras Anti-Intelectual

Tradução do artigo de Kitten Holiday para o Writing Cooperative, com autorização. Esta semana dois autores de meu círculo estavam preocupados com a mesma questão: Por que a literatura moderna é tão ruim? Pelo que eu sei, esses dois autores não se conhecem. Eles estão em círculos políticos parecidos (direitistas, conservadores) mas em diferentes círculos…

Ler a Vida, Escrever a Vida

Não podemos ter uma visão elitista da arte porque vivemos em uma sociedade determinada a destruir a arte, coração do povo e luz do futuro. Somente a arte pode nos salvar, mas antes precisamos salvá-la. O Brasil que eu conheci está morrendo e não é uma morte natural: é um assassinato. A morte do Brasil…

Para Não Espelhar Seu Estilo

Há jovens autores que acreditam que um escritor deve, pelo menos ocasionalmente, abster-se de ler a fim de não “espelhar o estilo” de quem leiam. Avisem-me quem são esses autores para que eu nunca compre nenhum livro seu. A criatura que evita ler para “para não espelhar um estilo” é muito ingênua e se encontra…

Você se considera um autor profissional?

Deparo-me frequentemente nas redes sociais com pessoas que acreditam ser “escritores profissionais”. Muitas dessas pessoas chegam ao ponto de mudar o nome de seu avatar para “Fulano de Tal, escritor” ou registram domínio para o seu sítio pessoal na internet como “EscritorBeltrano”. Não são raros os casos em que autores desses queiram compartilhar o segredo…

Os Vendedores, os Mascates e os Vendilhões

No cenário literário de hoje existe hoje uma crença generalizada de que tudo deva ser vendido pela mesma pessoa que produz. Na prática, isso coloca o “vender” acima do “produzir”. É uma visão diferente de outras artes. Por exemplo: no cinema existem produtores, roteiristas, diretores, atores, contra-regras, operários, etc. Papeis muito bem compartimentados. Há quem…