A Hipocrisia do Relativismo Crítico

Gosto de ver quando tantos jovens ofendidos desancam aqueles que criticam os estudos de literatura. Em geral jovens universitários que cursam essas maerias e que sentem a água bater na bunda quando a validade de seus diplomas é posta em questão. Mas eu gostaria mais se esses mesmos revoltados reconhecessem uma obviedade: essas ideias de…

Os Perigos do Relativismo da Crítica Literária

Existe um certo revanchismo contra as ciências humanas em geral — e as artes em particular — que se manifesta em ataques os mais diversos. Há vezes em que esses ataques partem, lamentavelmente, da esquerda, mas; no momento atual, em que a esquerda está praticamente incapacitada de dirigir o debate cultural, limitando-se a reagir quando…

Certos Livros Podem Ser Escritos, Mas Não Precisavam Ser

Há uma antiga lição do mestre Sun Tzu que nos explica bem o dilema de entrar em disputas desnecessárias. Esta semana tive a oportunidade de perceber quão certo é o conselho milenar do general chinês: Não basta fazer algo pelo simples bem de algo: certifique-se de que isso o ajude. Se é para a sua…

Valorizar a Literatura Nacional

“Precisa valorizar a literatura nacional” — diz o autor que assina com um pseudônimo gringo, cujos personagens têm nomes em inglês e cujas histórias são ambientadas numa gringolândia clichê. Amigo, quem quiser valorizar a literatura nacional deve passar longe da sua obra. Veja bem. Não quero dizer que seu livro seja de todo ruim, sequer…

Exotismo e Escapismo

A predominância de elementos exóticos entre os gêneros de ficção mais populares no Brasil me dá a impressão de que a maior parte do público leitor brasileiro tem pouca noção de si mesmo e busca na literatura um escapismo. Não é só porque os best-sellers são vendidos de forma massificada. Poderíamos estar comprando best-sellers realistas….

Ler a Vida, Escrever a Vida

Não podemos ter uma visão elitista da arte porque vivemos em uma sociedade determinada a destruir a arte, coração do povo e luz do futuro. Somente a arte pode nos salvar, mas antes precisamos salvá-la. O Brasil que eu conheci está morrendo e não é uma morte natural: é um assassinato. A morte do Brasil…

Alguns preconceitos literários que eu tenho

Ninguém está livre de ter seus preconceitos, feio é tê-los e não entendê-los. Uma vez que a gente se vê no espelho e descobre o que é verdade ou não, cabe-nos decidir se lutamos contra o preconceito ou se o adotamos como bandeira. Fiz este exame ao longo dos últimos anos e decidi que eu…

Os Vendedores, os Mascates e os Vendilhões

No cenário literário de hoje existe hoje uma crença generalizada de que tudo deva ser vendido pela mesma pessoa que produz. Na prática, isso coloca o “vender” acima do “produzir”. É uma visão diferente de outras artes. Por exemplo: no cinema existem produtores, roteiristas, diretores, atores, contra-regras, operários, etc. Papeis muito bem compartimentados. Há quem…

A Guerra Contra a Cultura Nacional

A revista “Veja”, talvez movida pelo incômodo que causa o fato de que a maior figura de nossa literatura é um negro, Machado de Assis, resolveu se lembrar esta semana que o conceito de “genialidade” é uma construção social. Claro que esta preocupação não seria necessária se Joaquim Maria Machado de Assis tivesse melenas castanhas…

Os Mimimizentos

Dizem que o mundo está cheio de “mimimi”. Eu acho que não, que o mundo está é cheio de pessoas arrogantes que não querem entender posições diferentes das suas, que não querem sequer ouvir o outro lado. O termo “mimimi” não pertence ao discurso racional, é essencialmente ofensivo, no sentido literal: acintoso, desrespeitoso e baixo….

Pagando Bem, que Mal Tem?

Recentemente descobri que há um mercado de resenhas pagas, no qual se cobram valores entre R$ 500 e R$ 8.000 para que algum blogueiro ou YouTuber resenhe sua obra prima e, obviamente, fale bem dela. Eu mais ou menos sabia que o jabá é praticamente uma instituição sacra de nossa cultura, mas julgava, ingenuamente, que…

Vale ou Não Vale Auto-Publicar-se?

Escrevi este artigo com base em reflexões que tive sobre a minha própria carreira desde 2005 e as ofertas que recebi, entre aceitas e rejeitadas. Gostaria que você que me lê visse isso mais como um depoimento do que como um diagnóstico do mercado. Isto dito, vamos lá. Há quatro coisas que as editoras podem…